A proposta é a simplificar a mensagem e imagem para os clientes mas há, também, uma ousada proposta de plataforma global para os Anunciantes e Afiliados

Como foi possível conferir na última edição do Afiliados Brasil, as redes de Marketing de Afiliados zanox e Affiliate Window passaram a se chamar Awin. Mas o que significa esta estratégia de reposicionamento de marca? Segundo a empresa, impulsionar a inovação e oferecer maior eficiência ao processo de desenvolvimento de estratégias para divulgação de campanhas digitais de seus clientes.

O logo da empresa formado por três triângulos representam os anunciantes, afiliados e consumidores, em conexão à rede. 

“Depois da fusão das empresas Affiliate Window e zanox em 2014 , formando o Grupo zanox, tornou-se mais claro que a única separação interna real entre zanox e a Affiliate Window era a marca. Awin agora reflete nossa operação, visão e cultura”, explica o country manager da empresa, Rodrigo Genoveze.

A proposta da Awin com o reposicionamento é o de simplificar a mensagem e imagem aos clientes.

Genoveze cita dois impactos que a mudança provoca: a mudança da marca em si e as novas ferramentas da plataforma. “A nova marca vai unir o que a Affiliate Window e zanox tinham de melhor, e que as novas ferramentas e interface da plataforma irão empoderar tanto o anunciante quanto o afiliado a aumentarem seus negócios e conversões online”, explica.

Com a nova marca, destaca, surge também uma plataforma global. A internacionalização da Awin permite que Anunciantes e Afiliados participem, de forma integrada, de:

*Programas oferecidos pela Awin em todo o mundo.
*Acesso à plataforma disponível em 10 idiomas e várias moedas.
*Utilização de ferramentas novas que estão em implementação.

Awin tem base em 15 cidades ao redor do mundo

A empresa está em operação no país há menos de seis anos e vem se destacando no mercado nacional. Os números impressionam.

*A zanox Brasil representa 11% do faturamento global da empresa e conta com mais de mais de 50 mil afiliados e 350 anunciantes ativos.
*A companhia é parceira de 16 empresas do top 20 e-commerces, o que representa 80% desse ranking, além de 300 e-commerces de relevância no país.
*Com a nova rede unificada, passa a contar com 6 mil anunciantes e mais de 100 mil publishers ativos, com base em 15 cidades ao redor do mundo.

Com o crescimento do e-commerce no Brasil (30% esperado para 2017, segundo Forrester and ChannelAdvisor Estimates) e no mundo, crescem também os investimentos em marketing digital. Nos EUA, por exemplo, marketing de afiliados ocupa o quarto lugar no share de formatos de anúncio mais utilizados por e-commerces, e recebe um investimento de U$S5 bilhões por ano (Fonte: eMarketer, 2016).

“Em mercados avançados em mídia digital, afiliação já é considerado parte do mix de investimento digital de grandes players do mercado. Pode-se dizer que o marketing de afiliação no Brasil ainda está em crescimento, e precisa conquistar mais espaço e reconhecimento entre os profissionais de e-commerce. De qualquer forma, nos orgulhamos de falar que geramos R$23.5 bilhões em faturamento para os nossos anunciantes em 2016, e que trabalhamos com grandes contas das indústrias de varejo, telecomunicações, finanças, turismo e serviços”, observa Genoveze.



“Pode-se dizer que o marketing de afiliação no Brasil ainda está em crescimento, e precisa conquistar mais espaço e reconhecimento entre os profissionais de e-commerce”.
Rodrigo Genoveze, country manager da Awin

Genoveze frisa que a Awin valoriza a transparência, qualidade, inovação e expertise no gerenciamento de contas. “Atualmente, oferecemos ferramentas que se destacam, tecnologicamente falando, no mercado de afiliação. Alguns exemplos são a Customer Journey, que ajuda o anunciante e afiliado entenderem a jornada do consumidor e, consequentemente, aumentar a performance e remunerar os afiliados de forma mais justa, cross device tracking, pagamento por influência e Convert-a-link, um plugin que automatiza a conversão de links de produtos em links rastreáveis)”.