Você quer muito entrar no Mercado de Afiliados mas não sabe por onde começar?!? Veja neste artigo como fazer isso

Instigante, o Marketing de Afiliados deixa maluquinho aquele que nunca fez incursões no segmento. Quem participou da última edição do Afiliados Brasil, realizado em São Paulo, sabe o que estou falando. Tablets e notebooks ligados, blocos de anotação, anota daqui, anota dali, pula de uma palestra para outra. A cabeça fervilha de ideias, empolgação, mas no final, na ressaca, surge a dúvida: por onde começo?!

O primeiro passo que muitos dão é o de sair experimentando todos os recursos possíveis até acertar. Tudo bem que fazer testes A/B é sempre recomendável, mas, calma, tenho uma sugestão pra você: ouvir antes quem está no dia a dia do setor e está disposto a falar como encurtar as distâncias. No cardápio do dia vamos abordar o CPA (Custo por Aquisição).

O que você vai ler neste artigo?
*O que é o CPA?
*O que impede o CPA de ser mais presente no Marketing Digital no Brasil?
*Por que o CPA ainda é uma ferramenta que pode crescer?
*O que pensam alguns dos principais especialistas no segmento?


Você esteve no Afiliados Brasil e saiu com a cabeça fervilhando de ideias?!? É hora de colocar tudo no lugar e partir para a ação!

Basicamente, na estratégia de CPA, um Anunciante apresenta para um Afiliado uma oferta com um valor definido para a venda de um produto. A oferta é apresentada para o público final por meio, por exemplo, de banners no site/blog do Afiliado (preste atenção, agora, aos banners que você vê nos sites/blogs que costuma frequentar!). Uma porcentagem das vendas convertidas a partir dos cliques deste banner são pagas para o Afiliado.

No CPA há, portanto, três atores:

1. Os anunciantes, que fazem as ofertas e definem os custos de CPA e quanto vão poder pagar pela conversão.
2.As Redes de CPA, que são plataformas que oferecem essas ofertas e a tecnologia para rastrear as vendas e fazer os pagamentos a partir dos links.
3.Os Afiliados que fazem todo o marketing, divulgação e as vendas destas ofertas disponibilizadas pelos anunciantes.


Veja algumas siglas que são utilizadas no CPA:

– CPC – Custo por Clique

– CTR – Click Trough

– CPS – Cost per Sale

– CPL – Custo por Lead

– CPA – Custo por Ação

– CPM – Cost per Thousands of Impressions

– ECPM – Earnings per CPM

– ECPC – Earnings per Click

– ROI – Return on Investment

Mas qual é o panorama do CPA no cenário do Marketing de Afiliados no Brasil?

Para especialistas que atuam nas principais empresas do setor há uma possibilidade imensa de crescimento. O fato é que muitos profissionais de comunicação e marketing ainda não conhecem o Marketing de Afiliados e, consequentemente, o CPA simplesmente por falta de informação!

Shirleyson Kaiser, CEO do Grupo Kaiser, provoca. Para ele falta:

*Conscientização do pessoal do real potencial que está oculto no mercado CPA.
*A tendência de buscar o caminho mais fácil.


“Para quem entra no Marketing Digital, o caminho mais fácil é um e-book enviado de maneira automática por e-mail. Somos forçados a criar ofertas irresistíveis para gerar valor ao conteúdo digital para justificar o desejo natural que o consumidor tem por algo tangível”, aponta. Mas o consumidor realmente gosta disso?

Veja o exemplo que Shirleyson dá sobre este tema:

“Imagine que você deseja emagrecer e te apresentam duas formas, de um lado um e-book que promete que se você ler e colocar em prática vai emagrecer, ou seja, emagreça lendo; do outro lado temos a ´pílula mágica do emagrecimento`. A necessidade de argumentos é infinitamente menor, o consumidor quer o caminho mais fácil, quer o resultado mais rápido. Nesses exemplos o produto físico CPA sempre ganha”.
Shirleyson Kaiser, CEO do Grupo Kaiser

O CPA só vai crescer e muitos anunciantes estão migrando para este modelo

A C2 CPA Network é uma das primeiras Redes de Afiliados a focar 100% no segmento. Para  Ramon Vailatti, especialista em Marketing de CPA e fundador da empresa, o modelo é o mais benéfico para todas as partes: o Anunciante, a Rede e o Afiliado. “Todos precisam trabalhar e entregar resultados para ter resultados e, com os pagamentos semanais e sem estorno de comissão, o Afiliado pode realmente investir pesado na promoção porque sabe que não vai perder suas comissões”, ressalta.

Marcio Motta, fundador da Monetizze, acredita que é o CPA um segmento que está crescendo exponencialmente e que tem tudo para evoluir ainda mais, dado ao forte apelo comercial, resultados obtidos e forma de atuação dos Afiliados e Produtores. Para ele, alguns aspectos essenciais podem tornar o CPA ainda mais presente no Mercado de Afiliados:

*Visibilidade
*Campanhas com melhor formatação
*Aumento das ofertas de mercado

“Hoje a participação de CPA dentro da Monetizze gira em torno de 60% das vendas realizadas”.
Marcio Motta, fundador da Monetizze

Os desafios futuros para quem quer investir em CPA no Mercado de Afiliados

A praticidade é um dos elementos atraentes do CPA. Por conta disso é uma porta de entrada para quem deseja entrar no Mercado de Afiliados. O primeiro que Afiliado deve dar é investir em análise de performance e planejamento. O gerente geral de Marketing Online do UOL, Bruno Torres, responsável pela plataforma UOL Afiliados, aponta qual deve ser o papel de cada um no processo:

*O papel do Afiliado é importante na criação de conteúdo e construção de audiência relevante para conseguir trazer valor para o cliente e realizar a conversão.
*O Programa de Afiliados deve estar presente para ajudar o Afiliado a otimizar seus resultados, conceder as informações necessárias sobre o produto, novidades do mercado e, até mesmo, fornecer informações exclusivas.

Com isso, o anunciante só tem a ganhar com a chance de atingir seu público em canais que provavelmente não alcançaria com esforços tradicionais de mídia. E aí, você concorda?!? Mãos à obra!!!